quinta-feira, 14 de maio de 2009

Dias difíceis

Ontem resolvi ir bem pimpona pro trabalho, pra ver se levantava o astral. Coloquei um dos meu colares favoritos, muito fáxion, eu até "economizava" ele. Caiu no caminho, quando desci do ônibus tava sem.

Hoje acordei de piriri, que persiste até agora.

É difícil ser feliz começando os dias assim.

3 comentários:

Helga disse...

Ah, minha flor. Conheço tais dias. Você luta contra eles mas insistem em continuar te peitando pra ver quem cede. Não ceda! não ceda! :P

E conheço essa história também. Eu fazia isso com perfumes, de "economizar" eles. Ou vestidos. Aí depois quando acaba o cheiro ou abre um buraco de traças lá não tem mais serventia, né? :P Hehheheh Nova abordagem pras coisas. :)

Se serve de consolo perdi meu anel preferido tb. De uso diário. Com florzinhas. :(

Márcia disse...

Dizem que qdo a vida tá muito ruim é pq tá bem perto de melhorar. Assim espero, pois meus dias tb andam muito difíceis.

Roberta disse...

Helga, pois é, mas devia ter continuado economizando meu colar. Perdi. :P

Claro, pra me consolar e compensar, comprei dois vestidos.

Márcia, força, amiga. Se precisar conversar é só chamar.

Meu ex-namorado e melhor amigo pra vida toda, o Lobão, sempre me dizia isso qndo eu tava triste, que quando estava muito ruim, estava perto de melhorar. Ele tava certo. ;)