quinta-feira, 25 de fevereiro de 2010

Arrasada

Terça fui tomar umas caipirinhas no Meza com minha amiga Janine, porque ela não tinha ido no meu aniversário. Amiga de infância tem esses privilégios, sabe? Vou ao encontro dela. ;)

Foi uma noite ótima e até Mãe Camila deu pinta, afinal, o Meza fica no quintal dela. Ai, que delícia aquelas caipirinhas e comidinhas. Tudo ótimo, tirando o detalhe de ter ido dormir bêbada depois de 2h da manhã e acordado às 6h30. Eu nem precisava acordar tão cedo, mas tava ansiosa porque O Orientador ia chegar e acabei perdendo o sono. O voo dele supostamente chegaria ao Galeão às 6h30, óbvio que ia atrasar e demorar, mas fiquei indócil. Acabei indo pra repartição sem vê-lo: ele chegou na residência oficial quase meio-dia.

***

À noite, tinha agendado mais caipirinhas, desta vez com minha companhia masculina favorita, mas tive que desmarcar. Queria encontrar OO. Sabe que foi até melhor? Não ia render bem mesmo. Fui ter com JM e JR, eles me deram um breve relato da viagem, dei um breve relato do meu aniversário. Jantamos e eles me entregaram meus presentes. Na verdade, pouco falamos, távamos todos arrasados de cansados. JR, pobre de cristo, ainda foi dar aulas. É dura a vida de professor.

***

Nunca ficamos tão calados. Imagina, dois tagarelas inveterados como eu e OO. A gente sempre debochou de quem diz que 'fica sem assunto'. Sempre achamos que isso não existia. Ontem távamos tão cansados que só ficamos deitados no sofazão vendo TV como gêmeas siamesas ligadas pelos cotovelos. Capitulamos e fomos dormir antes das 2h. Inédito!

***

Fato é que preciso desesperadamente dormir. Vou chegar em casa, comer qq coisa e deitar. Vou colocar o despertador pra 22h: se acordar, vou ao aniversário de Mary Claude na Matrix, mas nem garanto. Sorry, amiga.

2 comentários:

guetoblaster disse...

tu fez a avant-premier do presente de OO ??? detalhes sordidos por favor.

Roberta disse...

Não, Xuxu. Só ligamos para conferir as funcionalidades.

Mas vou com calma: amiga minha disse que ficou tão apaixonada, tão voluptuosa que quebrou o dela em 3 meses.