segunda-feira, 22 de março de 2010

Hoje não é um bom dia

Tá, também não é um dia muito ruim. É segunda-feira, né? Não dava pra ser muito bom.
Como sempre, acordei antes do despertador e fiquei olhando pro teto até ele tocar. Pensei "hoje eu não vou trabalhar, foda-se". Desliguei e continuei deitada até estar quase atrasada. Fui olhar o tempo e tava um dia lindo. Pensei "hoje eu não vou trabalhar. Foda-se. Vou pra praia. Foda-se chegar bronzeada amanhã. Foda-se que meu chefe lê meu blog. Tá um dia bonito demais pra me trancar na repartição". Fiquei na janela olhando o céu até estar atrasada.

Fui tomar banho. Lembrei que amanhã tenho uma reunião na qual vou fazer uma fast apresentação e precisava de alguns dados pra preparar o que vou falar. Além da reunião semanal, tenho uma reunião mensal com todos os jornalistas da repartição. "Tá, eu vou trabalhar. Que merda". Tomei café e me arrumei. Resolvi que era um bom dia pra sair de sapato alto, pra olhar o mundo de cima. Peguei meu maior sandalhão, aquela que só uso quando saio fantasiada de travesti. O espelho com a faixa "tenha fé", tirada da minha fantasia de vendedora de orações do Império Serrano, confirmou que estava linda e enorme. Desci me sentindo charmosíssima dando passos pequenos e calculados, pra não adernar, topar numa pedra, virar o pé num buraco. Andei 200 metros e capitulei. Ainda que conseguisse subir no ônibus, não conseguiria chegar na repartição. Eu desço num ponto imundo, subo uma passarela, desço, entro na repartição, ando quase 10 minutos entre ladeiras, matos e calçadas enlameadas e quebradas. Não ia rolar. Voltei pra casa e calcei a rasteira laranja de todos os dias maldizendo a repartição.

Saí de novo, andei até o ponto, peguei um ônibus quente e sujo. Fui sentar e havia biscoitos maizena esmagados no banco que tinha janela. Sentei em outro, do lado do sol, sem janela. Os ônibus para a repartição são nojentos, sujos, sórdidos, quentes, barulhentos. Eles sacodem, as janelas batem, os passageiros quase todos tem aparência de mendigos. Muito auspicioso para começar o dia.

Cheguei no trabalho feliz como sempre. Subi a ladeira arrependida de ter vindo. Ao entrar na sala uma colega perguntou se aconteceu alguma coisa, porque eu tô abatida. "Acho que tô ficando resfriada". Realmente, meu corpo está moído. O calega que me passaria os dados não veio trabalhar, o filho está doente.

O almoço estava horrível. Tô com dor de cabeça. Hoje não é um bom dia.

14 comentários:

Paulinhaaa disse...

As vezes tenho esse pensamento também, mas sou uma frouxa e sempre venho pro trabalho =/

Roberta disse...

Tenho esse pensamento todos os dias e todos os dias venho para o trabalho. Não sou frouxa.

Anônimo disse...

Eu as vezes tenho esse pensamento... e as vezes realmente nao vou trabalhar... mas fico MORRENDO de consciencia pesada... entao, aprendi q devo ir... e tentar sair mais cedo... hehehe

Renata Saintive disse...

Nao adianta... segunda eh segunda....

Carmen disse...

Pois pra mim o pior dia é quarta.Segunda eu sempre tenho algo pra contar/ saber do finde, mas quarta é o meio da semana; já estou cansada de seg, ter, e ainda tem qui e sex.

Fernando disse...

Se tiver que pegar ônibus de manhã eu não vou trabalhar, tenho que morar bem perto e ir a pé, também almoçar em casa não é nada mal. Moro no centro só arrumo trabalho no centro, esse negócio de atravessar a cidade para trabalhar não tem chance comigo.

Roberta disse...

Fernando, pra morar perto do trabalho e ir à pé, atualmente, só se eu for morar na favela. Melhor pegar ônibus.

Rui disse...

Eu sempre penso em não ir , mass digo"fazer o que quem mandou nascer pobre, morar no agreste e ir a pé pro tralhado fantasiado de adévogado, vai calado seu besta"...

Roberta disse...

Rui, vc merece.

rui disse...

Por isso te adoro!!!

Morango sem chantilly disse...

A colega foi para a praia com o filho.

Roberta disse...

Não, filha. O filho dele passou por uma cirurgia ontem.

Roberta disse...

Rui, nos estamos muito envolvidos, melhor a gente cortar relações. kkkk

Brincadeira!

rui disse...

Vamos ter DR???
Aqui mesmo, posso começar..
kkkk