sábado, 4 de dezembro de 2010

Diálogos

Estava determinada a passar o fim de semana trancada em casa, sem ver gente. Mas daí O Orientador ligou me fazendo duas propostas: irmos às compras de Natal em Ipanema ou flanar na Feira da Lavradio, comprar umas bugigangas e almoçar por lá tomando cerveja. Avisei que, enquanto empolada, não tinha condições físico-emocionais para o traslado Lapa-Ipanema, ainda que em carro de praça com ar condicionado. Ele veio ter comigo na Feirinha.

O Orientador tá mais animado que eu com meu apartamento novo e doido pra brincar de casinha: já avisou que vai me ajudar na decoração. Falamos em janela antirruido, hidromassagem vertical, piso de parquê e por aí vai. Daí que tamos lá, deambulando pelos antiquários e entramos numa loja maravilhosa.

- Nossa, olha que mesa linda, será que cabe no seu apê novo?
- Caber, cabe. Mas deve custar os olhos da cara, quiçá o do cu.
- Ah, aqui tudo custa todos os buracos que você tiver. Mas não interessa, quando chegar a etapa da decoração vamos brincar de casinha aqui.
- Vai me agenciar na prostituição também? Porque só vendendo meu corpinho pra poder comprar aqui...
- Querida, você não tem mais idade pra isso. Já passou sua época, agora você só pode atuar como cafetina.

Tolinho, ele não sabe que para serviços de qualidade sempre há mercado.

5 comentários:

carolina disse...

haha, impagável

Anônimo disse...

teadoro, gata BUT é por essas e outras que AMO esse homem

ai ai

Roberta disse...

Carolina e Anônimo, O.O. é o melhor!

Lilla disse...

Esse O.O. é um grande cara! Hilário!
Para garota de programa não dá, mas há que se pensar que ainda existem os casamentos abalados (caras de 40 a 50)cujos maridos adorariam ter uma "amiga" de cama e se sentirem "úteis" para moçoilas desapegadas. Consulte o O.O para ver o que ele acha!!!!

ReSilver disse...

Preciso de um OO para mim.
Ele faz sistema de franquia?