segunda-feira, 2 de maio de 2011

Sabe que que eu lembrei?

Que acabei esquecendo de ir tocar fogo na IBBCA, administradora do meu contrato com a Unimed! Vou lá amanhã de manhã. Vou tocar o terror, fazer a lôca e chamar todas as atendentes de burras.

Os desgraçados não 'viram' um pagamento meu, tipo assim, perderam, limparam a bunda, sei lá. Só descobri quando fui à gineco e o cartão não passou. Meu contrato tava suspenso. Daí descobri que o mês "em aberto" já tinha 3 meses. Nisso, paguei os meses subsequentes achando que tava tudo normal. Nenhum filho da puta me avisou. Muito puta, porque paguei em dia e na "boca do caixa", fui ao estabelecimento levando o comprovante. A idiota que me atendeu olhava pro comprovante e dizia que "o financeiro não registrava pagamento". Tá, mas taqui o comprovante. Obviamente a moça tinha retardo mental, usou todos os neurônios que possui pra fazer aquela maquiagem medonha e se equilibrar em cima daquele salto. Não conseguia compreender "eu paguei esta merda e táqui o comprovante". Desisti e deixei as cópias de pagamento de sei lá quantos meses para "ser encaminhado ao financeiro". Quando posso ir ao médico? "Vai pra análise do financeiro e se eles aprovarem leva 5 dias úteis pro seu contrato ser novamente efetivado". Oi?

A solução que a vagabunda de cabelo mal pintado e brincos doirados me ofereceu era eu pagar de novo, com multa pelo 'atraso' e, no dia que o financeiro chegasse a alguma conclusão, eu seria ressarcida. Claro, ressarcida do valor do primeiro pagamento, que a multinha eles iam embolsar pra comprar água oxigenada pras recepcionistas piranhas continuarem loiras.

Paguei, pois tava com conjuntivite e queria ir ao médico.

Adevinha? Perderam tudo, não existe registro de que deixei as cópias. A vagabunda porca gorda desgraçada e mal vestida que me garantiu que ia cuidar do caso pessoalmente e pegou a papelada deve ter enfiado tudo naquele rabo gordo.

Da última vez que estive lá outra puta chinfrim me garantiu que ia resolver tudo pessoalmente, como a primeira. Disse, como a primeira, que eu podia ligar ou mandar e-mails pra saber do andamento do caso e me deu o telefone "direto" dela. Claro que cai numa telefonista que diz que a vagabunda não está no momento. O e-mail? Jamais respondido.

Voltei noutro dia pra falar com ela. Encarei a imbecil da recepção e pedi pra falar com a Fulaninha de Bosta.

- A DOUTORA Fulaninha de Bosta?
- Se é doutora não sei, sei que quero falar com ela. Mas se te incomoda, posso falar com qualquer um, porque ninguém resolve merda nenhuma mesmo.
- Não, não, vou avisar a ela. Quem eu anuncio?
- A DOUTORA Roberta Carvalho.

Doutor de cu é rola.

****

Pois bem, ninguém resolveu nada, não me enviaram nada e continuam com a minha grana. Cada vez que vou lá ou telefono a putinha que tinha me atendido da vez anterior sumiu, foi fazer michê em outro puteiro. Devem pagar muito mal mesmo.

Vou lá amanhã e já vou chegar chutando a porta.

****

Mas por que você não entra na Justiça?

Porque a Justiça é uma bosta lenta mais fedida que o IBBCA e a Unimed. Não tenho tempo pra ficar juntando mais cópias, escrevendo caralhos de próprio punho e depois ir a audiências de conciliação pra no fim ganhar R$ 800. Meu tempo e meu humor valem mais.

Vou é publicar o nome dos desgraçados todos aqui se amanhã não resolverem minha vida e devolverem meu dinheiro.

10 comentários:

Carla disse...

Plano de saúde só é bom quando não precisamos dele. Pagar e não poder usar dá processo, Roberta, e mesmo sendo lento, vale a pena, porque abre precedentes e outros coitados que passarem pela mesma situação poderão brigar também. Bando de merdas despreparados!!! Só sabem comer nosso suado dinheiro!!!

Tiane disse...

Dano moral e repetição de indébito neles!

Leandro disse...

Roberta, se não resolverem teu problema, não entra na Justiça normal...entra no Juizado, te garanto que vale a pena (quer dizer, nãO sei como funciona aí no Rio..). Por ser consumidora, tu não tem de provar nada, ELES é que tem de provar que tu não fez alguma coisa. Se tu tem os recibos, melhor: eles vão dizer que tu não pagou e tu vai mostrar "paguei sim esta merda".
Ah, quando tiver audiência, tu pode sair da repartição, com justificativa..nem isso faz feliz? Bj

Alexandre disse...

Desculpe, mas tou cuspindo coca-cola no monitor de tanto que rio do seu post.

Fernando disse...

Me livrei da Telefonica para nunca mais, se não tiver outra empresa fico sem telefone, mas dessa porcaria de empresa não quero serviço.

Nininha disse...

Roberta, seu psiquiatra tem unimed? to precisando de indicação pra um novo.. a minha foi pros eua

Nininha disse...

ah, eu sou a tia fafa

Roberta disse...

Nininha, não tô mais indo a psiquiatra, mas o que eu ia tinha sim, só que era maluco e queria me casar com um primo dono de restaurante em São José dos Campos....

Nininha disse...

mas qual era o nome dele? rssss

maluco todos eles sao..
veja: fazer medicina e residencia = quase 10 anos de estudos.

Pra no fim das contas cuidar de doido, vc imagina, ne

Roberta disse...

Ninha, sorteia qq um no livro da Unimed, foi assim que escolhi ele. Não vou publicar o nome aqui, se quiser me escreva.