quarta-feira, 23 de março de 2011

Triiiiste

Ando triste, muito triste. Choro ou tenho vontade de chorar quase todos os dias. Ontem foi um dia péssimo, triste, triste. À noite fui comer pastel no Adão com a Lôra e a vida melhorou, mas não durou muito. Antes de dormir me aborreci e choreeeei. Não contente, tive uma crise de ansiedade com direito a taquicardia. Só dormi porque tomei uma bola.

Hoje estive triste o dia todo. Só durante a aula de yoga consegui esquecer um pouco os problemas. Do trabalho fui para a dentista e senti dor. Depois fui pra outra consulta e senti mais dor. Percebi que tava sem celular e fiquei tensa porque precisava fazer uma ligação. Pra piorar, meu pé direito tá doendo horrores e tive que andar um pedação, mesmo meio manca. Mais dor. Não bastava a dor da alma, tinha que sentir dor física logo hoje? Cheguei em casa  e meu telefone fixo estava maluco. Fiquei tensa e a barriga dolorida das injeções começou a doer mais ainda. No momento ostento dor de cabeça e de estômago. O pé e a barriga estão apenas doloridos.

Conclusão: tô na merda mermo.

Chega, agora vou tomar banho e chorar um pouco.

14 comentários:

Carla disse...

Eu tava um pouco assim semana passada, devido a um acontecimento. Mas lembrei de tudo de bom que existe na vida, e melhorei. Melhoras prá você também, gatona!! Beijos

Fafo disse...

Eu tô assim também. Será que é o Universo? O tempo custa a passar...
Melhoras pra você.

Eugenia disse...

oi lindona...
poxa... q chato... nem sei o q dizer...
ah... vou dizer só q t adoro e estou sempre pronta a te ouvir, seja pessoalmente seja no virtual, ok?
beijo grande!

Daniele`s disse...

Oi,Roberta

Eu sempre leio seu blog e gosto muuuuito! Mas hoje, ao ler fiquei entristecida por vê-la assim. Não sei como posso ajudá-la, mas no fundo do meu coração eu quero poder ajudá-la. Me diga como? Um grande beijo! Daniele

Carrie, a Estranha disse...

Que puxa.

Tb tô meio assim.

Estou aqui. Qdo quiser.

Bjs

Roberta disse...

Oi queridos, obrigada. Me sentir querida pelos meus amigos e leitores sempre me acalenta.

Acho que vou sumir, me esconder por uns dias. Talvez seja só uma conjunção astral desfavorável, já que tá todo mundo na mesma vibe.

Podeixá que se doer demais eu grito.

Beijos

Lila disse...

Minha mãe andava assim...então o psiquiatra dela receitou Frontal e Procimax e ela foi melhorando visivelmente...até não ter mais nadica desses sintomas da dreprê. Recomendo, é muito melhor que Rivo.

Roberta disse...

Lila, larguei do Rivo, mas não me dou bem com Frontal. Passa aê o contato do psiquiatra dela. Não tô mais a fim de ir no dotô casadoiro, mas tô precisando de um dotô.

Luiz Asp disse...

Larguei o Rivotril quando consegui começar a fazer spinning 3 vezes por semana, fez a maior diferença.

Químicas à parte, torço pra que seu coração se anime e desejo paz.

PS.: Adoro seus textos!

Aline Pozzan disse...

Roberta, se te consola estou exatamente igual a você. Sei lá é um vazio existencial, uma vontade de sumir.... dor da alma , misturada com ansiedade e dor física. Até a academia que estava indo todos os dias super empolgada abandonei. Acho que to precisando de um médico. Fique bem. Beijinhos

Opinião de mãe disse...

Ah, também tô assim! Parece que essa total desanimation (batizei assim meu estado tristonho) pega todo mundo de vez em quando...

Lila disse...

Oi Roberta lindinha, mesmo que eu te passe o nome do médico dela não vai te ajudar muito, pois tanto médico quanto nós, moramos aqui em SC. Agora, em psiquiatria assim como em qualquer outra profissão, você encontra os mais diversos tipos de profissionais. O médico da minha mãe é professor de universidade, adepto de uma visão mais moderna. Tente procurar por aí algum profissional com um perfil parecido. Ele também recomendou uma psicóloga, paralela ao tratamento, que faz uso da terapia cognitivo-comportamental, uma linha da psicologia que, a grosso modo, é a mais prática e de resultado mais eficiente (sem muitas das neuras da psicanálise e filosofias etc.)e em menor prazo. Minha mãe se transformou, realmente.
Beijão p/ você!

Tia Fafá disse...

Roberta, procura minha médica! trato transtorno do panico com ela ja faz tempo.. acho ela ótima!

o nome é Elisabete Possidente.

bjs e melhoras

Anônimo disse...

nada, vc não deve e não pode ficar assim, o mundo é seu, pelo menos a parte mais importante dele: eu!!!! Bijus