terça-feira, 12 de julho de 2011

Tô na merda, mas tô feliz

Dor de cabeça, olhos ardendo, pernas cansadas e pé direito doendo. Paralelepípedo no estômago, buraco no peito. Irritação, ansiedade, tristeza. Não tenho ânimo pra tomar atitude alguma, mas meus pensamentos não param, correm e colidem o tempo todo.

Mas sabe que ao fim e ao cabo não estou ruim de todo? Ou pelo menos já estive pior. Não sem bem porque, mas algo me diz que tudo vai melhorar já já.

2 comentários:

Fernando disse...

Não estaria feliz se fosse você com tudo isso. Não acredito nas pessoas se dizendo felizes apesar de enormes problemas.

Roberta disse...

Não estou felizzzzzzzzz, mas estou um pouco otimista. Se bem que, como diz Palhares, o otimista é um cara mal informado.