domingo, 29 de novembro de 2009

Alegria de domingo

Eu tava quase mal humorada, sabe?

Fui dormir tarde e minha mãe me acordou cedo. Ligou pra saber se eu ia lá almoçar. Até ia, mas fiquei de bode e decidi que não ia mais. É que uma amiga dela, que é mãe da minha melhor amiga de infância, ia almoçar lá e queria me ver. Eu até queria reencontrar a Lourdes também, mas por que minha mãe não me avisou ontem? Precisava avisar de manhã? Ou por que não esperou? Eu pretendia acordar meio-dia, ir lá almoçar e, de lá, por volta de 16h, partir pra casa de Narinha.

Pior, minha mãe ligou mais uma vez e ainda mandou minha irmã ligar duas vezes me convocando. Daí que bodeei mesmo e não fui. Odeio que insistam comigo. Odeio!

Mas enfim, ler e blogar um pouco tiraram o azedume do meu humor. Agora vou tomar banhinho pra ir pra casa de Nara beber e rir.

7 comentários:

Ricardo disse...

Você é bem chata, mas te gosto de montão !!!

Roberta disse...

Sou muito chata, é daí?

Marianna disse...

Eu te entendo.

Se tiver tudo certo, continue. Se sentir saudade, mate-a. Se perder um amor não se perca! Se o achar, segure-o! ( Fernando Pessoa)

Ricardo Mello disse...

Este Ricardo aí em cima não sou eu !!! Beijos,

Ricardo disse...

E daí que tudo bem ! Nenhum problema em ser chato ou chata !
Só tô exercendo minha liberdade de expressão ! Abraço !!! e té +

Jackie, Jaque, Jaquinha disse...

Quando visitar deixa de ser uma alegria mútua e passa a ser obrigação irrevogável, é hora de quebrar compromisso...

morais22 disse...

Vai no trem do samba?

bjks